"A Clé só aumentou a minha desgraça" diz kudurista K2
Celebridades | Marcas

“A Clé só aumentou a minha desgraça” diz kudurista K2

Durante uma entrevista, o Fofoqueiro do Kuduro, a.k.a K2 esteve a falar sobre as razões que o fazem odiar a produtora a qual pertenceu, a Clé Entertainment. Preto Show e o aumento da sua desgraça são os grandes motivos.

K2 diz que nunca chegou a assinar um contrato com a produtora.

Pois, segundo o mesmo, estava a ser enrolado por isso não aconteceu.

Apesar de tudo, o artista fez viagens por intermédio da produtora, conheceu novos lugares e trabalhou muito.

No entanto, no período em que esteve associado a Clé, K2 diz ter sido sugado por Preto Show.

Coisa que o deixou “acumulado” e o fez vir a público falar sobre o assunto.

Os problemas entre Preto Show e K2 já são conhecidos pelo povo.

Veja também:

Kudurista K2 manda beef para Preto Show e o chama de “Suga Sangue”

Preto Show alega que K2 recebeu 400 mil kwanzas para fazer música a falar de si

Porém, não se sabia que estes teriam sido impulsionadores para o afastamento do kudurista da produtora onde alega que Preto Show é um dos sócios.

"A Clé só aumentou a minha desgraça" diz kudurista K2

“Fiquei muito acumulado com o Suga Sangue que é o Preto Show, me usou muito… Mas eu como sou vivo, consegui fugir mais rápido da asa dele”, relatou.

O kudurista diz que o excesso de promessas o fizeram ficar revoltado.

“Muita gente sabe porquê que eu odeio a Clé. É uma produtora que eu vi a crescer que nos fez conhecer sonhos e o mundo”.

Nesse sentido, quando questionado se a produtora realizou algum dos seus sonhos, o kudurista disse que não e afirmou:

Não me realizou em nada, me aumentou na minha desgraça!”

Ademais, o artista reclama que na época em que esteve associado a Clé, não conseguia usar nenhuma indumentaria do seu gosto.

Pois, era supostamente obrigado a usar sempre as camisolas da produtora.

"A Clé só aumentou a minha desgraça" diz kudurista K2

Por outro lado, diz que nada na sua vida mudou estando na Clé, e que a empresa é que se aproveitou da sua fama.

“A Clé não mudou nada na nossa carreira. Eles ainda é que se aproveitaram do nosso nome e da nossa imagem. A Clé só ficou maior porque nós emitimos na boca do pessoal que a Clé está a trabalhar” contou.

O Fofoqueiro do Kuduro reconheceu que os gémeos Clésio e Clénio Gomes, CEO’s da Clé, são boas pessoas e trabalham bem.

Porém, alega que as pessoas em volta dos mesmos é que são maldosas e criam os bloqueios.

Veja então o que foi dito nesta matéria a partir dos 2min:49s aos 6min:18s:

“A Clé só aumentou a minha desgraça” diz kudurista K2

Similar Posts