Donald Trump indicado ao Prémio Nobel da Paz de 2021
Destaque | Sociedade

Donald Trump indicado ao Prémio Nobel da Paz de 2021

A mediação do “acordo de paz” entre os Emirados Árabes Unidos e Israel, levou o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a ser indicado ao Prémio Nobel da Paz de 2021.

Prémio Nobel é um conjunto de seis prémios internacionais anuais concedidos em várias categorias por instituições suecas e norueguesas, para reconhecer pessoas ou instituições que realizaram pesquisas, descobertas ou contribuições notáveis para a humanidade no ano imediatamente anterior ou no curso das suas atividades.

Origem: Wikipédia

A saber que no próximo ano a premiação completará 120 anos de existência.

E no ano desta grande comemoração o parlamentar norueguês Christian Tybring-Gjedde indicou alguém curioso para a fazer parte da 120ª edição, Donald Trump.

Christian Tybring-Gjedde elogiou Trump por seu papel na normalização das relações diplomáticas e económico entre os Emirados Árabes Unidos e Israel.

O parlamentar norueguês declarou o seguinte à rede americana Fox News:

“Por seu mérito, penso que fez mais para criar a paz entre nações do qualquer outro candidato ao prêmio Nobel.”

Trump realizará uma cerimónia de assinatura, para um acordo inovador no Oriente Médio.

Isso no dia 15 de setembro segundo anunciou um funcionário da Casa Branca.

Este que normaliza as relações entre Israel e os Emirados Árabes Unidos que desde 1971 não são das melhores.

O acordo de paz é então resultado de duradouras conversas entre Israel, Emirados Árabes Unidos e os EUA.

Nesse sentido, Tybring-Gjedde enalteceu Trump pelo seu “papel fundamental ao facilitar contacto entre as partes conflitantes”.

“E criar novas dinâmicas em outros conflitos prolongados, como a disputa na fronteira da Caxemira, entre o Paquistão e a Índia.

E o conflito entre as Coreias, além de tratar das capacidades nucleares da Coreia do Norte.” acrescentou

Donald Trump indicado ao Prémio Nobel da Paz de 2021
Veja também:
Donald Trump indicado ao Prémio Nobel da Paz de 2021

no entanto

no entanto

no entanto

Similar Posts