Celebridades | Destaque

Faia diz que o seu maior arrependimento foi ter sido atleta angolana

 A ex-judoca angolana Antónia de Fátima Moreira “Faia” esteve em directo para o quadro “Tens Coragem”, realizado por Yanick Ricardo, onde revelou que o seu maior arrependimento foi ter sido atleta angolana e apontou as razões.

Faia é um dos nomes de grande referência em Angola quando se fala de atletismo.

No entanto, o que não se sabia é que Antónia de Fátima Moreira arrepende-se por isso.

A ex-judoca esteve em directo para o Instagram de Yanick Ricardo e confessou que o seu maior arrependimento consiste no que lhe torna mais conhecida, ser atleta angolana.

“Eu posso dizer que o maior arrependimento que tive é representar angola,

ser atleta angolana.

Porque nós temos tanto amor pelo nosso país

que nós acabamos por fazer tudo pelo país,

e praticamente o país não faz nada por ti”,

Explicou a ex-judoca.

Nesse sentido, a atleta contou já teve oportunidade de representar outros países, mas negou por patriotismo.

Faia diz que o seu maior arrependimento foi ter sido atleta angolana

A ex-judoca recordou-se de uma situação específica em que foi abordada por um clube francês para que ela fosse lá e para que depois se tornasse a representante de França.

Entretanto, Faia negou por “amor a camisola”.

A ex-judoca diz que os atletas que estavam no clube francês na época em que ela foi chamada, estão agora bem de vida e ela está “simplesmente como treinadora de um clube”.

A saber que Faia é treinadora do clube 1º de Agosto há mais de um ano.

No entanto, a atleta reconhece que se tivesse uma família que acompanhasse a sua carreira e lhe desse luzes, ela estaria melhor de vida.

Faia diz que o seu maior arrependimento foi ter sido atleta angolana

Faia diz que o seu maior arrependimento foi ter sido atleta angolana

Veja então a revelação da atleta contada na primeira pessoa:

View this post on Instagram

Tens coragem ?entrevista com FAIA

A post shared by Yanick Ricardo (@yanick_ricardo) on

Similar Posts