Benguela – Um incêndio de grande proporção destruiu completamente, na manhã deste sábado, o edifício das direcções provinciais da Cultura e da Família e Promoção da Mulher em Benguela, causando danos materiais incalculáveis, até ao momento.
Com cerca de 120 anos e com uma arquitectura colonial, o edifício construído de madeira datava do século XIX, onde funcionava mais de 50 funcionários das duas direcções.

O director provincial da Cultura, Cristóvão Mário Kajibanga, descreveu o cenário como desolador e avançou que dos prejuízos constam meios informáticos, toda a documentação administrativa do sector, mobiliário, entre outros.

Já a directora provincial da Família e Promoção da Mulher, Maria do Céu, fez saber que toda a história institucional desapareceu com este incêndio.

“Nós começamos como uma secretária de estado, hoje somos direcção provincial. Não temos outra base de dados, tínhamos alguns ficheiros em (pen drives) que queimaram igualmente nas gavetas das secretarias”, lamentou.

Os Serviços de Protecção Civil e Bombeiros mobilizaram três viaturas para extinguir o incêndio.

“Aventa-se tratar de um curto-circuito e o incêndio propagou-se de forma rápida porque o edifício é de madeira, possuía tinta e verniz que são inflamáveis”, revelou no local, Walter Lucas, um dos responsáveis da corporação.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.