A cantora e compositora Isidora Campos, será homenageada na 9ª edição do concurso musical Festikizomba 2016, pelo seu contributo na promoção e valorização da música angolana.

Os artistas Jacinto Tchipa, Eduardo Paím, Pedrito, Carlos Burity, Robertinho, entre outros Já foram homenageados pelas Organizações África Cultura.

Já venceram o concurso, António Silva em 2008, Maria João (2009), Nelson Capassa (2010), Julieta Paulo (2011), Francisco Ambrósio (2012) e Neide da Luz (2013).

O Festikizomba é um concurso musical anual destinado a estimular a criatividade dos artistas nacionais e descobrir novos valores, promovido pelas Organizações África Cultura.

Trajectória de Isidora Campos no mundo artístico

Isidora começou a dar os seus primeiros passos na música no auditório da Rádio Nacional de Angola (RNA) em 1989 no Festival Internacional da Criança.

Depois desta data, passou a fazer parte da Sala Pió, local onde recebia ensinamentos de canto, dança e teatro.

Passado algum tempo passou a fazer coros para os músicos consagrados daquela época, mais concretamente, fez parte do grupo Sezu Love (um grupo de três raparigas, compostas por Isidora, Bely e Alice).

Após um ano, esse grupo desfez-se e daí então surgiu a primeira música a solo, intitulada ‘Amor proibido (Sambapito)’, depois participou no álbum de Beto Max.

Em 1999 lançou o seu primeiro álbum intitulado ‘Mais Amor Chissoca’, mais tarde voltou a lançar dois álbuns “Tabu” e “Reflexos”.

Importa lembrar que a fase final da 9ª edição do concurso musical Festikizomba 2016, será realizado no próximo dia 24 de Setembro, no cine São Paulo, em Luanda, com a participação de 15 concorrentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.