Vanessa Bryant, esposa de Kobe Bryant, decidiu processar a empresa responsável pelo helicóptero que vitimou mortalmente Kobe e Gianna Bryant, entretanto, a defesa do piloto deitou as culpas aos passageiros pelo acidente mortal, conforme avançou o TMZ nesta segunda-feira(11).

No passado dia 26 de janeiro de 2020, Kobe Bryant, a filha Gianna e mais outras sete pessoas faleceram num acidente de helicóptero em Calabasas, na Califórnia.

Após o acidente, Vanessa Bryant, esposa de Kobe, decidiu processar a empresa responsável pelo helicóptero que vitimou o jogador.

Vanessa alega que a aeronave nunca deveria ter sido usada nas condições climáticas que marcaram o dia do acidente.

O processo é contra a empresa de helicópteros Island Express, e o piloto Ara Zobayan, que também faleceu no acidente.

Defesa do piloto do helicóptero acusa passageiros pelo acidente mortal que vitimou Kobe e Gianna Bryant
As vítimas mortais do acidente de helicóptero

Defesa do piloto do helicóptero acusa passageiros pelo acidente mortal que vitimou Kobe e Gianna Bryant

O ‘TMZ’ avançou ontem que representantes da defesa do piloto que levava o antigo basquetebolista norte-americano responderam ao processo de Vanessa Bryant.

Os representantes de Ara Zobayan alegam o seguinte sobre os danos do acidente:

“foram diretamente causados por negligência das partes queixosas”

Defesa do piloto do helicóptero acusa passageiros pelo acidente mortal que vitimou Kobe e Gianna Bryant
Ara Zobayan “o piloto”

Conforme informou a defesa do piloto, este, não tem culpa alguma sobre o acidente:

“Quaisquer ferimentos

ou danos causados às partes queixosas e/, ou falecidos

foram diretamente causados em parte,

ou completamente pela negligência,

ou culpa das partes queixosas e/, ou dos seus falecidos,

o piloto não carrega

Nenhuma responsabilidade pelo acidente.

Defesa do piloto do helicóptero acusa passageiros pelo acidente mortal que vitimou Kobe e Gianna Bryant

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.