Mulher queima órgãos genitais do namorado com água quente após discussão
Destaque

Mulher queima órgãos genitais do namorado com água quente após discussão

Mulher, cujo nome não foi revelado, queima os órgãos genitais, do namorado, com água quente, após uma discussão entre o casal, a informação foi passada através de um relatório do Comando da Polícia Nacional, na província do Huambo.

Mulher queima órgãos genitais do namorado com água quente após discussão

Ademais, Segundo o documento da Polícia Nacional, a vítima, de 49 anos, encontra-se internada no Hospital Central do Huambo.

Porém, não se revelou ainda, o actual estado da vítima, que viu os seus órgãos genitais queimados pela namorada.

Entretanto, a autora do crime passional, ainda se encontra foragida.

Enquanto isso, decorrem diligências para a determinação da autora e, consequentemente, a responsabilização pelo crime de violência doméstica, por queimadura.

Mulher queima órgãos genitais do namorado com água quente após discussão

Mulher queima órgãos genitais do namorado com água quente após discussão

Esse crime, é um dos acontecimentos que marcaram a cidade do Huambo, durante a passada semana.

De acordo com o relatório, sobre a situação da segurança pública no Huambo, foi também registado a morte de uma cidadã, provocada por um falso terapeuta.

Ao propósito, segundo a “Sapo Angola” a Polícia Nacional, em colaboração com o Serviço de Investigação Criminal (SIC), deteve 27 cidadãos.

Portanto, os 27 detidos pela Polícia Nacional, são indiciados de 34 delitos criminais.

Fruto do bom trabalho, foram recuperados diversos artigos, como, uma motorizada, dois cabritos, botijas de gás butano, uma arca.

Igualmente, foram recuperados, dois fogões, um gerador eléctrico, uma antena parabólica, três televisores, meios electrónicos e utensílios domésticos diversos.

Mulher queima órgãos genitais do namorado com água quente após discussão

Sobre Crimes Passionais

O índice dos crimes passionais na sociedade angolana, tem a cada dia que passa aumentando.

Segundo o Jornal de Angola, até Maio de 2019, cerca de 890 homens e 200 mulheres encontravam-se detidos, por crimes passionais.

“Dados estatísticos avançados ao Jornal de Angola, pela direcção do Estabelecimento Prisional de Viana,

revelam que até Maio deste ano, 897 homens e mais de 200 mulheres,

acusados de assassinarem os respectivos parceiros encontravam-se detidos.”

A saber, ciúmes, desconfianças e o consumo excessivo de bebidas alcoólicas são apontados como as causas deste tipo de crimes.

E envolve, sobretudo, pessoas de várias faixas etárias e estratos sociais.

Assim sendo, homem toma estimulante sexual usado em touros e fica 3 dias com ereção. Saiba de todos os detalhes aqui.

Similar Posts