Celebridades | Destaque

Pai da Miss Benguela 2015 acusa comité de incentivo a prostituição

Pai da Miss Benguela 2015 acusa comité de incentivo a prostituição

O pai de Bruna Cardoso, a jovem encantadora que representou a beleza da mulher benguelense no concurso nacional “Miss Angola 2016” surpreendeu tudo e todos ao fazer declarações pouco simpáticas sobre a maneira de actuar do Comité Miss Benguela, acusando-os categoricamente de incentivar e promover a prostituição.

miss

 

Segundo um órgão de comunicação nacional, o pai da agora ex-Miss Benguela estaria bastante insatisfeito com o procedimento do comité local, alegando que o órgão tem contribuindo significativamente para a prática da prostituição, incentivando as Misses a submeterem-se a está maliciosa acção.

Os responsáveis do comité ainda não pronunciaram-se sobre o assunto, uma vez que tais declarações são muito comum em varias partes do mundo, por motivos de insatisfação dos familiares das candidatas. A se confirmar ou não, esta não será a primeira vez que um comité do género é alvo de acusações tão pesadas, já houve uma Miss e um Mister que tocaram na mesma tecla, mas até então nunca houve uma acusação com fundamentos suficientes para descredibilizar as instituições do ramo.

Vale ter conta que Bruna Cardoso de 21 anos de idade, foi coroada Miss Benguela 2015, em Maio daquele ano e, teve uma participação de excelência na gala do Miss Angola onde deu nas vistas mesmo sem arrebatar a tão desejada coroa, que recorde-se ficou entregue a jovem estudante “Luísa Baptista”.

Similar Posts